quinta-feira, 4 de dezembro de 2008



AS RAZÕES DA MINHA VISITA

Venho porque gosto, não para que tenhas a obrigação de me retribuir cada gesto. Venho pelo apreço que tenho por sua preocupação em comprar flores todas as manhãs e dispô-las sistematicamente pela sala e quintal. Ao contrário da minha mãe, discordo que o melhor lugar para as flores é o cemitério, mesmo assim as evito no meu canteiro, percebo que as flores trazem muitas dores à minha mãe, por mais vivas que sejam, para ela, sempre murcham. As podo em ação de respeito.

Venho todos os dias pisar neste tapete macio, aqui meus pés sentem-se em casa, aqui eles ficam descalços de mim.

Venho aqui porque a tua casa sorri e me chama por psiu quando eu passo distraída. Chego a pensar que tua casa tem imã, chego a pensar em besteiras ancestrais.

Amo o teu capacho me dizendo bem-vindo. Da entrada aos quartos tudo me saúda. Teus potes de banheiro e as manchas de vaca na parede que eu acho uma graça. Teus móveis modernos, que me convidam a todo momento com solicitações de portas abertas.

Venho aqui por ti, pela tua casa de adesivos na parede e móbiles multicoloridos.

Tenho portas abertas como a sua, uma caixa de borboletas na cabeceira e espelhos duplicando cada incidência.

Venho porque a alegria me traz pela mão e eu venho sem birra.

Entro sem pedir licença, porque quando peço, você diz para eu parar com essas formalidades. Você me deixa à vontade e pede que eu não repare a bagunça e eu digo que eu vou reparar tudo para que nunca mais esqueça, para que por mais longe que eu esteja, leve tudo em mim.

Venho, não só porque você não passa a chave na porta, venho porque você diz que a sua casa é a extensão da minha e é assim que eu me sinto.



Rosemeri Sirnes

2 comentários:

Dauri Batisti disse...

Lindas palavras que traduzem a gratuidade do encontro com outras pessoas, com outros espaços. Lindo. Texto muito gostoso de ler.

Esther disse...

Oi Rosi,

"Venho porque gosto, não para que tenhas a obrigação de me retribuir cada gesto. Venho pelo apreço ..."

peguei emprestados essas suas palavras, para dizer que aprecio muito o seu blog. Lembro-me que vc foi a segunda pessoa que visitei desde que comecei o meu blog e o encantamento é o mesmo desde então...

beijos, estou lincando vc,